Veja dicas para acertar na combinação de decotes e colares.

É noite de sair com as amigas ou ir a um jantar e seu look já está decidido. Com as roupas perfeitas você tem certeza que vai arrasar, mas faltou um detalhe: escolher o colar. Nessa hora você vai até o espelho e começa a experimentar vários, de um colar de pérola até folheados. Nada parece agradar ou você não tem certeza o que fica melhor com aquela roupa. 

Por acaso você se identifica com essa história? Toda mulher já passou por isso e muitas até escolhem colares às pressas só para perceber mais tarde que não estão contribuindo tanto com o visual. Algumas peças valorizam a composição, outras a deixam muito carregada. 

Sabendo dessa dificuldade, trouxemos um guia para escolher a combinação de colares e decotes perfeita. Quer arrasar com suas semijoias favoritas? É só continuar lendo. 

O segredo para combinar colares sem erro

Antes de começar a dar as dicas queremos frisar uma coisa: o que realmente importa é como você se sente usando a peça, sejam colares ou brincos. Portanto, tente encontrar uma combinação que a faça se sentir confortável, bela e muito poderosa. Um pouco de criatividade e uma variedade de colares também ajuda. Mas qualquer combinação deve mostrar sua personalidade!

Além disso, é importante considerar também o tipo de roupa usada e maquiagem. Quando nos arrumamos para uma festa, por exemplo, carregamos na maquiagem, usando muitas cores e brilho. Nesse caso acessórios mais discretos ajudam a deixar o look mais harmônico e destacar sua make maravilhosa. 

1. Gola alta e colares

Algumas mulheres não abrem mão de uma blusinha gola alta para eventos mais formais, não é mesmo? A peça mais adequada para usar junto com o look são colares mais longos. Ele direciona o olhar para baixo e alonga a silhueta, além de ficar bastante estiloso. 

Quanto ao tipo de colar, a escolha é sua. Pode ser uma biojoia, como um colar de pedras naturais, ou um colar delicado, o que importa é deixá-lo em todo o seu comprimento. 

Outras mulheres preferem usar uma gargantilha delicada. Elas também funcionam, mas recomendamos escolher um pingente pequeno e pouco chamativo. Assim você evita uma combinação que desfavoreça seu corpo. 

2. Decote redondo

Esse decote foi criado para desenhar o formato do colo da mulher e destacar essa área. Por isso, o maior erro é usar peças super volumosas que concorrem com o visual criado pelo decote. Opte por algo mais próximo ao pescoço, como um colar de madeira, colar de ouro ou colar de prata.

3. Decote em “v”

Os decotes em v são os queridinhos de muitas mulheres. Eles direcionam os olhos para o colo e naturalmente afinam a silhueta feminina, ajudando a trazer graça e sensualidade a quem o usa. A combinação de colares com essas roupas deve ajudar a acentuar o efeito. 

Uma das melhores opções para o decote em v é um colar longo que siga seu formato. Assim ele acentua o colo e deixa a mulher ainda mais bela. Uma boa opção são biojoias que combinam elementos naturais para criar um look único e cheio de personalidade.  

4. Tomara que caia

O “tomara que caia” é um dos decotes mais versáteis que uma mulher poderia usar. Além de ser sinônimo de sensualidade, ele também pode ser usado em situações mais formais, especialmente se combinado a um blazer fino. Quanto aos colares a escolha varia de acordo com o objetivo. 

Quem deseja destacar a área do pescoço e do colo pode apostar em colares mais cheios, com pedrarias, correntes e tudo o que possa chamar atenção. No entanto, isso não é uma regra. Por deixar bastante área livre para os acessórios e semi joias, o tomara que caia também se encaixa com colares médios e até gargantilhas. Essas últimas são melhores para ocasiões formais, já que trazem uma beleza sutil. 

Só evite colares muito longos que concorram com o decote. Eles prejudicam a silhueta alongada criada pela peça. 

5. Ombro caído

Muitas mulheres pensam que camisas ou vestidos com o ombro caído dispensam completamente o uso de colares. Na realidade, é possível combiná-los com esse acessório, mas é preciso ter moderação. 

Os modelos que possuem a gola mais próxima ao pescoço agem de maneira similar a um decote em v. Por isso, você pode combinar peças longas que direcionam o foco para o colo e aumentam a silhueta. 

Já golas com um formato mais redondo combinam melhor com colares sutis. Uma gargantilha de ouro feminina ou um colar feminino delicado combina muito bem com a gola. 

6. Gola fechada e colares

A gola fechada não chega a ser tão restritiva quanto a gola alta para colares. A melhor combinação para ela são colares curtos e grossos. Um colar de madeira, colar colorido ou até colar com pedras naturais pode complementar muito bem o look e dar destaque à peça. 

7. Decote canoa

Os decotes canoa foram feitos para destacar o pescoço e região do colo. Na hora de escolher os acessórios opte por alguns que não distraiam os olhos dessa região, como aconteceria com um colar grosso, por exemplo. 

Colares elegantes e minimalistas são as melhores opções para ele. Também recomendamos usar um colar de pérolas ou contas para complementar o visual. 

8. Colarinho

Camisas sociais, camisetas polo e outras peças com colarinho são um pouco mais complexas na hora de combinar com colares. Primeiramente, deixe a gola fechada, caso queira usar com um acessório. Assim você evita que o colar amasse a gola ou se perca no decote. 

Existem duas maneiras de combinar o colar com o colarinho. A primeira é escolher correntes bem finas com um pingente no meio e “esconder” a corrente atrás da gola para dar destaque ao pingente. Esse look é mais comum em ambientes formais ou de trabalho. 

A segunda é usar colares grossos e com bastantes pedrarias e detalhes que o destacam da cor da camisa social. É um look mais ousado, excelente para um passeio, festa ou reunião com amigas. 

Agora que você já sabe como fazer as melhores combinações de colares e decotes está na hora de colocar as mãos na massa. Use essas dicas no seu próximo visual e a escolha do acessório será muito mais fácil!